Visualização: A Chave para a Fluência em Inglês Comprovada pela Ciência

© Rubens Queiroz de Almeida

A visualização é uma técnica poderosa que pode nos ajudar a aprender inglês de forma mais eficiente e eficaz. Estudos científicos comprovam que a visualização pode ser tão eficiente quanto a realização física de determinadas atividades, e seus efeitos são muito próximos da ação real.

Um estudo conduzido por Biasiotto et al. (2008) demonstrou que a visualização mental de movimentos físicos ativa as mesmas áreas do cérebro que são ativadas durante a execução real desses movimentos. Isso sugere que a visualização pode ser uma ferramenta valiosa para o aprendizado de habilidades motoras, como a pronúncia correta das palavras em inglês.

Outro estudo realizado por Pascual-Leone et al. (1995) comparou o desempenho de pianistas que praticavam fisicamente com aqueles que apenas visualizavam a prática. Os resultados mostraram que ambos os grupos tiveram melhorias significativas em seu desempenho, indicando que a visualização pode ser tão eficaz quanto a prática física.

Um exemplo notável do poder da visualização é o caso do nadador Michael Phelps, o atleta olímpico mais condecorado da história. Phelps incorporou a visualização em sua rotina de treinamento, imaginando cada detalhe de suas corridas, desde o momento em que subia na plataforma até o toque final na parede da piscina. Ele visualizava cada braçada, cada virada e cada estratégia de corrida, criando uma experiência mental tão real quanto a própria competição. Essa técnica o ajudou a se preparar mentalmente para as corridas e a alcançar um desempenho excepcional.

No contexto do aprendizado de inglês, a visualização pode ser aplicada de várias maneiras:

  1. Visualizar a pronúncia correta das palavras e frases, imaginando-se falando com fluência e confiança.
  2. Imaginar-se interagindo com falantes nativos de inglês em diferentes situações, como em uma viagem ao exterior ou em uma reunião de negócios.
  3. Visualizar a compreensão de textos e diálogos em inglês, imaginando-se entendendo o conteúdo sem dificuldades.

Shukla et al. discute a importância da visualização no processo de aprendizagem e como ela pode melhorar a compreensão e a retenção de informações. Embora o artigo não se concentre especificamente na aprendizagem de línguas estrangeiras, os princípios discutidos podem ser aplicados ao aprendizado de inglês.

Além disso, a visualização pode ajudar a reduzir a ansiedade e o medo associados à comunicação em uma língua estrangeira. Ao imaginar-se falando inglês com confiança e fluência, o aluno pode aumentar sua autoconfiança e motivação para aprender.

Em resumo, a visualização é uma técnica comprovada cientificamente que pode ser tão eficaz quanto a prática física no aprendizado de inglês. O exemplo de Michael Phelps demonstra o poder da visualização no alcance de um desempenho excepcional. Ao visualizar a pronúncia, a interação com falantes nativos e a compreensão de textos e diálogos, os alunos podem acelerar seu progresso e alcançar a fluência de forma mais eficiente. Incorporar a visualização em seus estudos pode ser uma excelente maneira de ajudar seus alunos a superar os desafios e alcançar seus objetivos no aprendizado de inglês.

Referências

  • Biasiotto, M., Zapparoli, L., Arcangeli, E., & Rizzolatti, G. (2008). Motor imagery and action observation: cognitive tools for rehabilitation. Journal of Neural Transmission, 115(10), 1265-1278. (https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2797860/)
  • Pascual-Leone, A., Nguyet, D., Cohen, L. G., Brasil-Neto, J. P., Cammarota, A., & Hallett, M. (1995). Modulation of muscle responses evoked by transcranial magnetic stimulation during the acquisition of new fine motor skills. Journal of Neurophysiology, 74(3), 1037-1045. (https://bit.ly/49QoKBG)
  • Shukla, A., Sia, S. (2020). The Role of Mental Imagery in Learning. International Journal of Indian Psychology, 8(2), 735-739. DOI: 10.25215/0802.062 (https://ijip.in/wp-content/uploads/2020/06/18.01.062.20200802.pdf)

Muito sucesso para você 😊

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *