Photo by Redd on Unsplash

© Rubens Queiroz de Almeida

Para escrever o meu livro As Palavras Mais Comuns da Língua Inglesa eu reuni em um único arquivo aproximadamente 1.100 livros do Projeto Gutemberg, resultando em um arquivo de aproximadamente 7 milhões de palavras.

Isto feito, passei esta lista de arquivos por um programa de computador para determinar quais eram as palavras mais comuns, e também quantas palavras precisamos conhecer para poder compreender textos em inglês.

Mas essa ideia de contar as palavras é bem antiga. O linguista e filósofo Charles Kay Ogden criou o Basic English, que é um subconjunto das palavras do inglês tradicional, e que foi apresentado no livro Basic English: A General Introduction with Rules and Grammar.

A principal motivação do trabalho era que Ogden acreditava que o mundo necessitava eliminar gradualmente os idiomas falados por minorias e usar, tanto quanto possível, apenas um idioma, o inglês, em sua forma simplificada ou completa.

O trabalho de Ogden não chegou a ser empregado como uma metodologia de ensino, mas enfoques similares foram desenvolvidos para diversos usos internacionais, como nas escolas da China e na criação do programa de divulgação de notícias da Voz da América.

Em essência, o trabalho de Ogden consiste de uma lista de 850 palavras para serem usadas como vocabulário para iniciantes na língua inglesa, tendo sido amplamente utilizado em diversos locais no mundo, especialmente na Ásia.

Existe até mesmo uma versão da Wikipedia totalmente escrita usando apenas as palavras e as estruturas gramaticais relacionadas no Basic English, chamada Simple English Wikipedia.

Referência

Este texto tem por base o artigo sobre o Basic English publicado na Wikipedia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.