Pratique ativamente a compreensão do inglês falado

Photo by Bewakoof.com Official on Unsplash

© Rubens Queiroz de Almeida

Podemos aperfeiçoar a nossa compreensão do inglês falado de duas formas: ativa e passiva.

No artigo da semana passada, abordamos a técnica passiva, ou seja, você ouve a língua inglesa enquanto está fazendo outras coisas. Estas atividades são aquelas que não exigem a nossa atenção constante, são coisas que requerem pouca atenção ou que já fazemos de forma automática, como lavar a louça, cozinhar, caminhar, etc.

A aprendizagem passiva se caracteriza pelo fato de que não nos importamos se deixamos de entender uma ou outra palavra, estamos focados em entender o melhor possível, mas não paramos para repetir trechos do áudio. Deixamos a coisa correr naturalmente, com o objetivo de nos familiarizarmos com o som da língua inglesa.

Já a prática ativa da compreensão exige mais atenção e realmente precisamos nos esforçar em entender o máximo que pudermos.

Todas as semanas eu publico no portal Aprendendo Inglês diversos vídeos com a transcrição em inglês e a tradução para o português. São vídeos que seleciono do Youtube ou do portal TED.COM.

O Youtube oferece a transcrição automática, por meio de um software de conversão de áudio para texto. Estes softwares funcionam muito bem, porém às vezes interpretam erradamente o que é dito no vídeo.

Se você está iniciando seus estudos, precisa tomar cuidado com a frustração e os pensamentos negativos que nunca conseguirá entender o inglês falado. No princípio tudo parece muito difícil, mas com o tempo você conseguirá fazer enormes progressos. Não desista.

Antes de começar nestas atividades, é importante que você já tenha adquirido um vocabulário básico de aproximadamente 2.000 palavras, e tenha também se familiarizado com a pronúncia destas palavras.

A técnica a ser usada é aquela que melhor funciona para você, mas em linhas gerais, observe as seguintes diretrizes:

  1. Não existe uma correspondência total entre a grafia das palavras e sua pronúncia. Uma mesma vogal quando colocada em palavras diferentes terá uma pronúncia também diferente (ex. gameapplefather) Americanos e ingleses também pronunciam as palavras de forma diferente, o que contribui mais um pouquinho para aumentar a confusão.
  2. Falantes nativos ligam as palavras umas com as outras, e neste processo algumas vogais ou consoantes podem deixar de ser pronunciadas:
    “I’m going to live” se transforma em “I’m gonna live.”
  3. Estude em intervalos não maiores do que 30 minutos. A nossa capacidade de concentração cai muito depois de um período de estudo superior a 30 minutos. Acerte o cronômetro do seu celular para tocar a cada 30 minutos. Esgotados os 30 minutos, levante-se e faça atividades que não tenham nada a ver com a prática da compreensão. Faça alongamentos, converse com alguém, caminhe por alguns minutos, e depois retorne para outro bloco de 30 minutos.
  4. Escolha, sempre que possível, áudios que abordem assuntos com os quais você já está familiarizado. Isto faz uma diferença enorme, nem sempre a nossa compreensão da língua inglesa depende exclusivamente dos sons, o conhecimento que trazemos conosco ajuda muito na compreensão.

Estas são recomendações preliminares. Basicamente, para desenvolver a sua compreensão, você vai escolher um vídeo e tentar identificar o máximo de palavras/frases que puder. Vale ir e voltar no vídeo/áudio quantas vezes quiser.

Importante, celebre suas vitórias, não existe derrota nesta estratégia. A sua compreensão vai aumentar com o tempo, e isto é garantido. Não importa quanto de um vídeo ou áudio você tenha entendido, tudo que você conseguir é uma vitória que deve ser celebrada.

Mas como você vai saber se está progredindo? Defina um prazo para ouvir novamente um vídeo/áudio com o qual você já tenha trabalhado. Você verá que na segunda vez a sua compreensão será diferenciada. Isso é um progresso. É claro, que isto só vai ocorrer, se você tiver consistência e praticar todos os dias. Não tem mistério.

Tente praticar no mínimo 15 minutos todos os dias, e não mais do que uma hora. Ouvir ativamente é uma atividade cansativa e é importante que você varie seus estudos. Se você tiver disponibilidade, varie seus estudos, leia livros, leia trechos em voz alta, selecione frases que você achar legais e coloque-as no Anki, enfim, use a sua criatividade.

Em linhas gerais é isto, mas você deve determinar a forma de estudo que mais lhe agrade, que funcione melhor para você. Só não vale desistir, certo?

Veja também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.