O que o xadrez tem a ver com aprender inglês?

© Rubens Queiroz de Almeida

A origem do jogo de xadrez é incerta e existem várias versões. Uma destas lendas conta que o xadrez foi inventado na Índia, há mais de 1500 anos. O brâmane Sessa Ibn Daher criou o jogo a pedido de um Rajá indiano. O Rajá ficou extremamente feliz com a criação e ofereceu ao seu criador uma recompensa. A recompensa solicitada foi a princípio considerada irrisória pelo Rajá. Como o tabuleiro de xadrez tem 64 casas, o inventor pediu um grão de arroz para a primeira casa, dois para a segunda, quatro para a terceira, oito para a quarta, e assim por diante. (1)

Mediante um pedido tão inofensivo e aparentemente simples, o Rajá pediu aos seus matemáticos que fizessem as devidas contas para que pudesse recompensar o criador de um jogo tão fascinante.

Todavia, o resultado do cálculo não foi nada animador. Procedendo como o inventor havia solicitado, o resultado final em número de grãos de arroz foi 264, o que dá um número muito grande para escrever aqui, 9 quinquilhões de grãos. Se um grão pesa uma grama, o peso total em grãos de arroz é 18.446.744.073.709 toneladas. Colocando este peso em uma unidade mais conhecida, isto equivale a 92 bilhões de aviões pesando 200 toneladas cada um. (2)

Mas por que eu estou contando esta história em um artigo que fala sobre o aprendizado da língua inglesa? Da mesma forma que o Rajá ignorava o alcance do pedido do criador do jogo de xadrez, nós também ignoramos o poder de nos dedicarmos ao estudo de forma metódica e continuada. A cada casa do tabuleiro, a quantidade de grãos de arroz cresce exponencialmente. Pense nas casas do tabuleiro de xadrez como os dias. A cada dia que você se dedicar ao aprendizado, aumentará o seu conhecimento do assunto, e quanto mais você aprender, mais fácil ficará aprender ainda mais. A fluência na língua inglesa pode ser alcançada até mesmo de forma muito rápida, desde que estabeleçamos uma rotina diária e a observemos rigorosamente. Como vemos nesta história, também no aprendizado temos um efeito cumulativo, quanto mais tempo perseverarmos em nossa rotina, mais rapidamente aprenderemos.

A pressa e o estabelecimento de metas irreais estão na raiz da desistência de grande parte dos alunos. Estabeleça metas simples, e não deixe de cumprí-las.

Vou dar um exemplo de uma rotina de estudos, mas é só um exemplo, o melhor é que você mesmo faça a sua, com o que funciona melhor para você.

  1. Aprenda 10 frases diariamente. Use um software como o Anki para garantir que você realmente aprendeu (3)
  2. Memorize e cante uma música por semana. Pense na música todos os dias, sempre que puder;
  3. Coloque etiquetas com o nome em inglês dos itens da sua casa, da cozinha, do quarto, da sala, do banheiro, até que tenha memorizado todos os nomes;
  4. Uma vez que você tenha memorizado todos os nomes, elabore frases simples mentalmente sempre que fizer alguma coisa com estes itens, como por exemplo, ao ligar a TV você pensa: “I’m turning on the TV“. Na cozinha você pensa: “I’m cooking dinner“.

São apenas quatro sugestões para você aprender inglês em casa ou sozinho, mas se você cumprir este roteiro todos os dias, em pouco tempo estará pensando em inglês o tempo todo e a sua fluência vai decolar.

Pense bem, se você vai para uma escola de idiomas normal você tem contato com a língua inglesa apenas por 2 ou 3 horas por semana, e só. E na escola você só fala quando chega a sua vez, mas com este roteiro você vai falar, mesmo que seja com você mesmo, o tempo inteiro. Com este roteiro, e se você fizer tudo certinho, você vai fazer o equivalente a 4 meses de aulas em apenas uma semana.

Veja também o vídeo sobre o mesmo assunto do canal Youtube 5 Minute Language.

Concluindo, dá para aprender inglês sozinho, é só usar as técnicas certas. ?

Referências

  1. Você pode baixar gratuitamente o nosso ebook Programe sua mente para aprender inglês e através dele obter o deck com 925 frases com expressões idiomáticas para você praticar com o software Anki.
  2. História do Xadrez
  3. Todos os grãos de arroz num tabuleiro de xadrez

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *